Início Liga A arma de Jorge Jesus para ganhar ao FC Porto

A arma de Jorge Jesus para ganhar ao FC Porto

671
0

O Benfica volta a enfrentar o FC Porto, esta noite, no Estádio do Dragão. Depois da derrota na Supertaça, a 23 de dezembro, as equipas voltam a encontrar-se, desta vez com Pizzi no onze. O internacional português falhou o jogo da Supertaça, por Covid-19, mas deverá ser agora titular e uma das armas de Jorge Jesus para enfrentar o grande rival.

A verdade é que Pizzi parecia estar a perder alguma preponderância com Jorge Jesus. O internacional português nem sempre foi titular, ou jogou os 90 minutos. No entanto, nos últimos jogos, Pizzi parece estar a ganhar a confiança de Jesus e deve ser um dos trunfos contra o FC Porto, que não vai contar com Otávio, também baixa por Covid-19.

Pizzi deverá entrar para o meio-campo dos encarnados, para um lugar que já foi de Taarabt. Agora, é o marroquino quem parece estar a perder preponderância na equipa.

Pizzi é um dos mais experientes do plantel encarnado e, de acordo com o jornal A Bola, já disputou 17 jogos contra o FC Porto, na carreira. Nem todos pelo Benfica, mas também pelo Braga e Paços de Ferreira. No total, Pizzi contribuiu com três golos e três assistências, mas venceu o FC Porto apenas por três vezes. Empatou seis e perdeu oito.

Como coincidência, o jogador português nunca marcou golo ao FC Porto com a camisola do Benfica. Aliás, os três golos que marcou ao FC Porto foram no mesmo jogo, numa noite épica com a camisola do Paços de Ferreira, precisamente no Estádio do Dragão. O hat-trick de Pizzi permitiu um empate a três golos ao Paços, na época 2010/2011.